Bem vindo à Prime Dental Clinic

Entrar

Sedação Consciente

SEM MEDO NEM ANSIEDADE
 
Um dos grandes desafios para a medicina dentária é a qualidade no atendimento e o conforto do paciente durante o procedimento clínico. Assim, o controlo do medo e ansiedade, além da dor, inflamação e infeções de origem odontogénica, devem nortear o atendimento dentário.
 
A sedação consciente, também conhecida como “analgesia inalatória”, constitui uma alternativa preciosa quando os doentes desenvolvem um grau de ansiedade tal que dificulta a realização de tratamentos dentários de qualidade. 
 
O conceito de sedação consciente difere totalmente da anestesia geral. Enquanto a sedação consciente é uma depressão mínima do nível de consciência, onde são mantidos a respiração voluntária, reflexos protetores e a capacidade de resposta a comandos físicos e verbais do paciente, a anestesia geral é uma depressão generalizada do sistema nervoso central, levando o indivíduo à inconsciência, à perda dos reflexos protetores e da capacidade respiratória espontânea, estando o paciente, na maioria das vezes, entubado.
 
A utilização da técnica de mistura de gases (oxigénio/ óxido nitroso) apresenta vantagens em relação ao uso de benzodiazepínicos, como a indução de efeito e remoção do gás extremamente rápidas, possibilidade de individualização da dose, controle do nível de sedação, como o aprofundamento da sedação apenas nos momentos mais críticos do atendimento. A duração da ação varia de acordo com a necessidade do profissional e do tratamento e possibilita a imediata recuperação do paciente.
 
A sedação inalatória tem ampla aplicação na medicina dentária, podendo ser utilizada em praticamente todos os procedimentos e especialidades.
 
Este tipo de sedação apresenta inúmeras vantagens quanto à recuperação pós-operatória quando comparada com a anestesia geral. O doente mantém respiração espontânea, está vígil, reage a estímulos físicos e verbais e por isso é administrado anestésico injetável para a execução do tratamento sem dores.
 
É importante que o doente não sofra de qualquer obstrução nasal (constipação) no dia do procedimento, para que possa respirar corretamente pelo nariz. Se no dia agendado a criança ou o adulto adoecerem, deverão prevenir o médico pois o tratamento terá que ser adiado.
 
EFEITOS DA SEDAÇÃO CONSCIENTE
 
Os efeitos da sedação consciente incluem relaxamento muscular, sonolência, analgesia e um certo grau de abstração em relação ao local onde decorre o tratamento. A experiência é descrita como agradável (sensação de leveza). Podem, no entanto, surgir efeitos indesejáveis sendo estes muito raros.
 
INDICAÇÕES:
 
. Crianças não cooperantes,
 
. Doentes muito ansiosos,
 
. Doentes com reflexo de vómito muito acentuado,
 
. Doentes portadores de deficiências.
 
CONTRA-INDICAÇÕES
 
. Pacientes que se encontram submetidos a uma ventilação com 02 puro;
 
. Hipertensão craniana;
 
. Pneumotórax;
 
, Bolhas de enfisema;
 
. Embolia gasosa;
 
. Acidente de mergulho;
 
. Distensão abdominal gasosa;
 
. Traumatismo facial na região de aplicação da máscara;
 
. Pacientes que forma tratados com gases oftálmicos.
 
O médico dentista deve estar informado da condição de saúde geral do doente e dos medicamentos que toma diariamente para evitar potenciais interações entre fármacos.
 
title